Pular para o conteúdo principal

Tarot e a carta do enforcado - O sentimento de sacrifício

Na vida nem sempre fazemos tudo aquilo que sentimos vontade, nem sempre agimos de acordo com nosso desejo e nossa alma, muitas vezes nos vemos diante de situações em que a vida nos coloca onde somos obrigados a agir de acordo com a expectativa de outros, se não for obrigação é por senso de responsabilidade. 

Quantas pessoas não trabalham exercendo funções que não gostam, que não têm a ver com sua alma, mas mesmo assim o fazem simplesmente por não ter outra opção? Quantas pessoas não acordam todas as manhãs se lamentando de mais um dia em que precisarão entrar numa sala e sentar à uma mesa para cumprir uma jornada de trabalho cansativa e estressante? Quantas pessoas não se lamentam dia após dia por viverem num relacionamento desgastado, complicado e triste, mas continuam por acreditarem que é o melhor para os filhos, para o parceiro, enfim...

As situações da vida que nos colocam no estado da carta do enforcado são inúmeras e cada um tem consigo ao menos um motivo para permanecerem nesta situação. A verdade é que mesmo sofrendo, mesmo sendo difícil, existe algo a se lucrar com essa atitude, algum benefício, quase sempre voltado aos outros, é o que motiva continuar na dura jornada.

A carta do enforcado vem falar a respeito dos sacrifícios voluntários, daquilo que fazemos porque queremos, porque sabemos que algo de bom virá depois de tanto sofrimento.

Muitas pessoas permanecem em relacionamentos infelizes por pensarem na família, nos filhos, pois acreditam que aguentar a situação vale a pena para não desestrututrar o lar, mas eu pergunto: até que ponto é válido esse sacrifício?

Se por acaso encontra-se num emprego que não gosta, que não suporta a idéia da segunda-feira chegar e mesmo assim vai, com pesar e continua fazendo a mesma coisa e se queixando, pergunto: o que te prende?

Se está num momento em que se sente obrigado(a) a fazer algo que não deseja e mesmo assim você faz de mal gosto, com revolta e amargor, pergunto: por que não desiste?

A carta do enforcado nos convida a refletir no por quê de nos permitirmos o sacrifício. Avaliar se vale a pena, analisar o que estamos proporcionando de bom para nós mesmos e para os outros, considerar a hipótese de desistir, de abrir mão e buscar por aquilo que realmente fale ao nosso coração.

Um ato de sacrifício é muito válido, desde que estejamos de bem com ele, desde que o realizemos sem pesos no peito, desde que seja realmente algo que possamos encarar como sagrado ofício (sacro ofício = sacrifício).


Drika Gomes

Taróloga e Numeróloga

Postagens mais visitadas deste blog

Tarô 8 de copas - Lidando com a rejeição

Entre tantas cartas que expressam tão bem a representação do 8 de copas, encontrei esta que mostra bem um aspecto desta carta que quero colocar aqui hoje. As cartas do 8 de copas geralmente mostram uma cena onde há escuridão, tristeza e dor, porém esta carta mostra uma situação diferente onde a mulher está partindo, dando as costas ao ambiente escuro, vislumbrando em sua frente uma noite clara e enluarada com pássaros voando. É o momento da saída da caverna, do entedimento desta etapa e de sua necessidade. Depois que a compreensão se instala e então a pessoa que já esteve no fundo do poço, já chorou, já encarou suas piores dores, se aceita e abandona aquele estado. Nesta carta também o 8 de copas está bem determinado com 5 taças à esquerda e 3 à direita, nos remetendo então as cartas 5 de copas e 3 de copas, onde 5 de copas na posição do passado, mostra que as mágoas, ressentimentos e dores ficaram para trás e o 3 de copas na posição do futuro, revela esperanças, desejos d

Você é uma Princesa de Espadas?

O naipe de espadas sempre traz uma energia muito forte de raciocínio e poder mental, portanto, essa princesa tem essas características marcantes. Ela foge do convencional, possui uma alma guerreira, tem convicções, propósitos e ideias pelos quais ela costuma lutar.  A princesa de espadas sabe da sua posição e por ser mulher não aceita se subjugar e aceitar antigos conceitos que a prendam ou a condicionem a ser uma mulher à espera de seu príncipe, ela não é sonhadora, nem muito romântica, ela é prática e gosta de agir. A princesa de espadas carrega em si o masculino e o feminino de forma que se sente muito confortável transitando por esses universos. Ela planeja, administra, calcula e age ao mesmo tempo que nutre em si a doçura e a feminilidade que despontam em momentos únicos e para poucos. Ela deseja ter ao lado um príncipe com honradez, com fortes ideais, um homem com quem possa se conectar mentalmente. Ela prefere os inteligentes, perspicazes e audaciosos. É uma princ

Descubra seu ascendente e signo Lunar

Para saber seu signo ascendente é preciso que saiba a hora exata do seu nascimento ( consta na certidão de nascimento). Signo ascendente representa a forma como se mostra para as pessoas, a forma como as pessoas te enxergam de primeiro momento. É nossa embalagem. Signo Lunar representa a forma como sente o mundo, as coisas e as emoções, a forma como reage emocionalmente diante da vida. Para saber qual é seu ascendente e seu signo lunar Clique aqui