Arquivo do Blog

domingo, 24 de abril de 2016

Quer que o seu amor volte?

Por aí existem muitos "místicos" que prometem trazer seu amor de volta e colocam até o prazo para isso acontecer, 7 dias, 5 dias, 3 dias, já vi por aí propaganda que promete num prazo de 24horas!

Imaginem a quantidade de pessoas, que justamente por estarem com o coração partido, ficam fragilizadas e correm para algo assim?

Não estou julgando quem faz e nem quem procura, apenas comento que meu método de trabalho não promete nada, pois eu acredito no livre arbítrio onde não cabe nenhum tipo de amarração. No meu conceito, todo e qualquer tipo de "simpatia", "trabalho", "magia" que limite ou ignore os pensamentos, sentimentos e desejos voluntários de um ser, vão totalmente contra a tudo que acredito a respeito das energias positivas que transmutam a vida de uma pessoa.

Acredito sim, que possa trazer o seu amor de volta, de uma forma livre, em que você volte a brilhar e emanar a energia de atração que transmitia no começo, quando estavam apaixonados. O amor próprio é a magia natural, mais perfeita e pura que existe!

Por isso, quando clientes me procuram reclamando seus amores perdidos, busco com a leitura das cartas, mostrar onde estão bloqueando as energias de amor e atração e procuro fazer com que entendam o porque de terem perdido esse brilho ao longo do caminho e aponto os meios de como reconquistar aquela energia de volta. Essa energia que é chave primordial para trazer o seu amor de volta.

É cuidando de você, da sua alma, dos seus desejos, daquilo que te faz bem que adquire o brilho antigo, se parar para pensar vai se dar conta de quantas coisas deixou de fazer por você no decorrer do tempo, sempre se deixando para trás enquanto se desdobrava de atenções para a pessoa amada e foi nesse momento que deixou de ser você para viver a vida de alguém, perdendo sua alegria, sua vivacidade e seu poder de atração.

A verdade é que ninguém entra e ninguém sai das nossas vidas por acaso e quando alguém se vai é porque a luz que antes mantinha ambos aquecidos e iluminados  se apagou. Deixar de amar a si mesmo é um método rápido de perder luz. Quando estamos amando, admiramos a outra pessoa de infinitas formas: o jeito prático de lidar com a situações, o modo de pentear os cabelos, o perfume, as roupas, o modo como age com as pessoas... Essas são características individuais que fazem com que gostemos ou não de alguém. Então, o que acontece quando aquela pessoa que admirávamos tanto, de repente passou a não cuidar mais dos cabelos? Passou a não fazer mais exercícios? Deixou de ter assuntos interessantes para conversar? - Perdemos o interesse.


Só é atraente aos nossos olhos aquele que nos cativa. O que tem feito para ser cativante?


Drika Gomes
Taróloga, numeróloga e terapeuta holística








Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

4 comentários: