Arquivo do Blog

terça-feira, 19 de maio de 2015

Tarólogos online e os sites de tarô

Comecei no atendimento online cerca de uns quinze anos atrás, quando atendia pela internet apenas clientes distantes de outros estados e países. Na época não usava o skype e o atendimento era via MSN ou por e-mail. Me recordo que no início havia uma grande resistência por parte das pessoas em se consultar à distância, não era algo que inspirasse segurança e a maioria das pessoas desconfiava bastante. 

Para poder passar aos clientes mais credibilidade no meu trabalho, fazia questão de atender com a webcam, eu queria que a pessoa me visse e de algum modo se sentisse mais próxima e outro detalhe muito importante é que minhas consultas nunca foram menor que trinta minutos, sempre me recusei a atender um cliente de forma tão rápida, pois no meu entender como terapeuta, uma consulta de quinze minutos ou menos, não pode oferecer qualidade porque não há tempo suficiente para explicar, orientar e se aprofundar nas questões colocadas. Sou da opinião de que se é para fazer de qualquer jeito, melhor não fazer! Meu cliente merece o melhor de mim e disso não abro mão.

Atendimentos via chat, skype, por e-mail, obviamente que FUNCIONAM! Não é a distância e a metodologia que influem, o que pode influir é a capacidade, entendimento e envolvimento do tarólogo. 

Certa vez uma cliente me contou que se consultava num desses sites de tarô, pediu uma consulta de quinze minutos e no meio da consulta a cliente pediu para que a taróloga abrisse sua webcam, pois ela queria acompanhar a triagem das cartas e a taróloga, depois de algumas tentativas em abrir sua cam, disse que estava com problemas técnicos, não conseguia abrir, mas de repente em um dado momento a imagem apareceu e a cliente viu a taróloga comendo um sanduíche enquanto a atendia, certamente essa taróloga não se deu conta de que sua cam estava aberta. A cliente ficou horrorizada, sentiu-se muito ultrajada, pois a taróloga digitava sem mesmo estar consultando as cartas, estava comendo na frente do computador. Educadamente, a cliente encerrou a consulta e nunca mais procurou esse site e muito menos essa "profissional".

Claro que esse comportamento citado acima não pode ser generalizado, mas serve como alerta para que busquem cada vez mais, qualidade. Lembrem que uma consulta muito curta, de dez, quinze minutos, pode ser mais barata, mas em contra partida, ineficaz. É importante sempre saber quem está do lado de lá da tela, conhecer a pessoa que te atende, buscar referências para sentir segurança e desta forma não ver seu dinheiro indo embora por nada.

Eu entendo que um profissional do tarô não pode apenas responder suas perguntas, precisa orientar, direcionar, mostrar as cartas que está tirando e oferecer esclarecimento.

Já tive a oportunidade de conhecer vários sites de atendimento com tarólogos e são raríssimos, muito poucos mesmo, aqueles que considero sérios.

Pesquisar é importante! Perguntar é fundamental! E desejar qualidade é essencial!












Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário